top of page

Três alertas sobre o suplício Ianomâmi



A situação calamitosa dos ianomâmis nos mostra:


a) a conivência do governo Bolsonaro com máfias na Amazônia e o comprometimento destas organizações criminosas com o extermínio indígena;


b) a falácia de certos movimentos esquerdeiros que dizem que os indígenas "nada devem" ao Estado brasileiro. Ora, é justamente o Estado-Nacional que tem condições de atuar e protegê-los das máfias que invadem aquelas terras;


c) o erro de condenar as FAs enquanto instituição de Estado. São elas que chegam mais facilmente ao local para prestar ajuda aos nossos compatriotas. O auxílio, o resgate, o alimento, os cuidados, os remédios chegam antes pela mão amiga dos militares.


Que o Estado combata e destrua as máfias que limitam a Soberania brasileira na Amazônia, e que leve cidadania real para todos os indígenas.




0 comentário

Comments


bottom of page